8 de março de 2015

India I missed you


Adicionar legenda


E aqui estou eu, de volta à terra que já faz parte de mim. É a 5ª vez que venho à Índia mas a emoção é sempre a de uma primeira. Tenho uma inexplicável atracção por este país que começou muito antes do yoga entrar na minha vida... Pessoas, paisagens, cores, cheiros e sabores não há nada que não seja intenso e atribulado por aqui, mas não me canso.
As coisas mudaram muito desde a primeira vez que aqui estive com a minha mãe, há 14 anos atrás. A tecnologia invadiu as casas indianas, o aeroporto brilha e reluz de tão novo que está e até as buzinas no trânsito parecem menos ensurdecedoras, mas o lixo, a confusão, as multidões permanecem e da mesma forma, a devoção e a espiritualidade continuam a respirar-se a cada esquina.
Estamos como sempre muito bem instalados em Delhi, em casa da família que sempre nos acolhe com tanto carinho. São muito tradicionais e "avant-garde" ao mesmo tempo, respeitando todas as tradições hindus mas acompanhando a evolução natural dos costumes. Da recepção calorosa fazem parte mesas recheadas de iguarias indianas, pequenos-almoços, almoços e jantares com tudo a que temos direito, motorista que nos conduz para trás e para a frente e ainda nos cobrem de presentes! Não merecemos tanto e por isso lhes estamos tão tão gratos.
Amanhã partimos para Rishikesh, maior introspecção e tranquilidade nos esperam junto ao rio Ganges, na base dos Himalaias no ashram do nosso querido Swamiji.
To be continued...


13 de janeiro de 2015

Fazer Acontecer




É tão boa esta energia que se gera no início de cada ano novo. Na verdade, o dia 1 de Janeiro é apenas mais um dia no calendário, mas o ser humano vive de ciclos e ritmos que nos ajudam a organizar a vida. Por isso mesmo a inauguração de uma agenda em branco, de um calendário por riscar é uma nova oportunidade para recomeçar, fazer reset ou simplesmente continuar a progredir no sentido que se escolheu no ano anterior.

2014 teve, como todos os anos, os seus momentos altos baixos, sem dúvida que para mim o seu pico se deu a 9 de Abril com o nascimento da Camila, o Lucas entrou para a escola (momento difícil para ambos) e estive bastante ausente do trabalho, do blog, do yoga e de tanta coisa de que gosto para poder ser mãe de 2 bebés. Até hoje me questiono como fazem as mães de 3, 4, 5 e por aí fora....

Sinto que 2015 será o regresso a tudo o que ficou mais longe, sinto uma energia boa e uma vontade de mudança e não quero deixá-las escapar, por isso em tom de resolução aqui fica o meu mote para este ano: fazer acontecer!




19 de outubro de 2014

Ponto da situação


Tem-me fugido a caneta, (o teclado na verdade)... Dias demasiado corridos e enrolados nas tarefas da maternidade. Veste um, veste o outro, leite para um, leite para o segundo, deixa um na escola, enquanto o outro engata na primeira sesta do dia, almoço para um, buscar à escola, almoço para o segundo... e nisto já estou cansada e ainda não é uma da tarde. Assim se preenchem as 24 horas (com algumas, sublinho, algumas, horas de sono pelo meio) de uma mãe full-time.

A grande novidade do momento é mesmo a escola do Lucas. Decisão difícil - vai/não vai? para onde? Dia todo/meio tempo?  Vamos tacteando, pesando pros e contras e decidimos sempre com muitas dúvidas, mas acreditando que é o melhor que conseguimos. 3 dias de choro muito dramático, dele e meu, e ao 4º dia (contrariando todas as expectativas) o choro deu lugar a uma choramingue mimalha, que progressivamente se converteu num lamento dengoso ao sair de casa e que culminou, vitoriosamente, numa corrida para dentro da sala quase sem olhar para trás. Parece que é mais ou menos este o processo, que todos passam por isso, mas confesso que foi uma das semanas mais duras da minha vida. Aquele nó na garganta acompanhou-me o tempo todo, a angústia de lhe virar as costas  e entrar no carro com os seus gritos a ecoar.me aos ouvidos, os minutos contados para chegar a hora de o ir buscar... Mas já passou, prova superada!

6 meses completos de Camila, alimentação a todo o vapor com direito a almoço, lanche e jantar de gente grande e a vida segue. A vontade de ir regressando ao activo, de retomar tudo o que se interrompeu, de recuperar a mulher por trás da mãe vai tomando forma e é assim que tem de ser.


10 de setembro de 2014

Ausência demasiado prolongada


Passou muito tempo... Não senti vontade de passar aqui, não senti o apelo pela escrita que raramente me falha, não tive motivação para continuar a publicar as fotografias dos pequenitos... Tenho sido tomada por  estado que oscila da apatia para a exaustão, pontilhado por alguns picos de energia que geralmente utilizo para fazer o imprescindível como seja reabastecer o frigorífico. Ao ler este desabafo, compreendi que de facto não sou a única e também eu acho que não era assim antes de ter filhos. É a este tópico que tudo se resume - filhos! São dois e muito pequenos e já lá vão quase 3 anos de sono interrompido pelo que acho que se fotografar o meu cérebro hoje não estará longe da imagem de uma uva passa!
Ainda assim têm sido tempos muito felizes. Vê-los crescer, ter o privilégio de estar perto deles todos os dias, contribuir para esse crescimento, e, inviavelmente crescer também com eles não tem preço. Por tudo isto, e porque este é um espaço muito íntimo e pessoal, não me sinto obrigada a escrever mas ainda assim espero não deixá-lo morrer... Estou de volta para partilhar os meus mundos com o mundo!


21 de junho de 2014

19/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
20/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"

"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
21/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"

"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
22/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"

"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"


7 de junho de 2014

14-18/52

Com algum atraso e muita batota começo a partilhar as fotografias que fiquei a dever:

14/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"

15/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"

16/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
17/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"
18/52
"a portrait of my children, once a week, every week, in 2014"